[RESENHA] O lado bom da vida.

006

Informações do Livro

Titulo: O lado bom da vida
Titulo Original: The Silver Linings Playbook
Editora: Intrínseca
Autor: Matthew Quick 
Número de Páginas: 255

Sinopse: Pat Peoples, um ex-professor de história na casa dos 30 anos, acaba de sair de uma instituição psiquiátrica. Convencido de que passou apenas alguns meses naquele “lugar ruim”, Pat não se lembra do que o fez ir para lá. O que sabe é que Nikki, sua esposa, quis que ficassem um “tempo separados”. 
Tentando recompor o quebra-cabeças de sua memória, agora repleta de lapsos, ele ainda precisa enfrentar uma realidade que não parece muito promissora. Com seu pai se recusando a falar com ele, sua esposa negando-se a aceitar revê-lo e seus amigos evitando comentar o que aconteceu antes de sua internação, Pat, agora um viciado em exercícios físicos, está determinado a reorganizar as coisas e reconquistar sua mulher, porque acredita em finais felizes e no lado bom da vida. 
À medida que seu passado aos poucos ressurge em sua memória, Pat começa a entender que “é melhor ser gentil que ter razão” e faz dessa convicção sua meta. Tendo a seu lado o excêntrico (mas competente) psiquiatra Dr. Patel e Tiffany, a irmã viúva de seu melhor amigo, Pat descobrirá que nem todos os finais são felizes, mas que sempre vale a pena tentar mais uma vez.
Um livro comovente sobre um homem que acredita na felicidade, no amor e na esperança.

lado5_thumb[1]

O lado bom da vida é um daqueles livros que só começam a ficar bom mesmo depois da pagina 100, sabe como é? Bem, depois disso a história se torna praticamente incrível.

O autor conseguiu mostrar como uma traição e uma perda podem fazer “estragos” na vida de uma pessoa, mas também mostrou que um novo amor é sim capaz de curar tudo.

Pat é um homem que depois de ser internado em uma clinica psiquiátrica, passa a ver o lado bom da vida em tudo, depois de voltar pra casa, Pat faz de tudo para se tornar um homem melhor e reconquistar sua ex mulher Nikki, mas ele não sabia que depois que Tifany  entrasse na sua vida mudaria tudo, faria com que realmente ele visse o lado bom da vida.

Ao voltar pra casa Pat se vê diante de alguns “desafios”, como por exemplo reconquistar o carinho do pai, a amizade de seus antigos amigos e passa a se tratar com um novo psicologo, que logo se torna um grande amigo.

 Vencendo todos os seus desafios do dia a dia, Pat, vê uma chance de poder voltar a falar com sua Nikki através de Tifany. Porém a garota o “engana” para seu próprio bem, Tif entra na vida de Pat e muda todo o seu jeito, o ajuda ainda mais a ser um homem melhor. 

Mas depois de Pat descobre que na verdade as cartas de Nikki eram falsas e que Tif estava se passando por sua ex esposa, o cara regride e quase que é internado no lugar ruim novamente. Porém, depois de um tempo os dois voltam a se encontrar, Pat volta a lembrar o porque está separado de Nikki e descobre o seu amor por Tifany. É simplesmente lindo  

Eu amei o livro (depois da pagina 100), o final foi exatamente aquele que eu imaginei e queria. Muito bom, super recomendo. 

Em comparação ao filme, bem, sempre é diferente do livre, mas ‘O lado bom da vida’ é muuuuuuuuuito diferente, na verdade não tem praticamente nada do livro, até mesmo o sobrenome dos personagens são mudados. Mas mesmo assim, o filme também é muito bom e vale a pena ser assistido. 

Querida Tiffany, eu sei que você escreveu a carta. O único jeito de conhecer minha loucura era fazendo algo louco. Obrigado, eu te amo. Eu soube no momento que te conheci. Desculpe se demorei tanto para tomar conta disso, eu fiquei preso.

Querida Tiffany, eu sei que você escreveu a carta. O único jeito de conhecer minha loucura era fazendo algo louco. Obrigado, eu te amo. Eu soube no momento que te conheci. Desculpe se demorei tanto para tomar conta disso, eu fiquei preso.

“O mundo vai quebrar o seu coração de 10 formas diferentes até o Domingo. Isso é garantido. Não dá para explicar isso. Ou as loucuras dentro de mim e de todo mundo. Mas adivinhe? Domingo é o meu dia preferido de novo. Eu penso no que todos fizeram comigo, e eu me sinto um cara muito sortudo.”

Nota: | 0 | 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Livros, Resenhas. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s