[RESENHA] Entre o Agora e o Nunca.

images Informações do Livro 

Titulo: Entre o Agora e o Nunca
Titulo Original: The Edge Of Never
Editora: Suma de Letras
Autora: J. A. Redmerski
Número de Páginas: 368

Sinopse: Camryn Bennett é uma jovem de 20 anos que desistiu do amor desde que Ian, seu namorado, morreu num acidente de carro há um ano. Sua melhor amiga, Natalie, é a única capaz de animá-la. Mas a relação entre as duas fica abalada quando o namorado de Nat revela à Camryn que está apaixonado por ela. Perdida, sem saber o que fazer, Camryn vai para a rodoviária e pega o primeiro ônibus interestadual, sem se importar com o destino. Com uma carteira, um celular e uma pequena bolsa com alguns itens indispensáveis, Camryn embarca para Idaho. Mas o que ela não esperava era conhecer Andrew Parrish, um jovem sedutor e misterioso, a caminho para visitar o pai, que está morrendo de câncer. Andrew se aproxima da companheira de viagem, primeiro para protegê-la, mas logo uma conexão irresistível se forma entre os dois. Camryn tenta lutar contra o sentimento, já que jurou nunca mais se apaixonar desde a morte de Ian. Andrew também tenta resistir, motivado pelos próprios segredos. Narrado em capítulos que alternam as vozes de Andrew e Camryn, “Entre o Agora e o Nunca” é uma história de amor e sexo, na qual os personagens testam seus limites, exploram seus desejos e buscam o caminho que os levará à felicidade. tumblr_mnb01hUvgQ1sp6dkdo1_500   Entre o Agora e o Nunca  literalmente me fez ficar presa ao livro, li em uma semana, com certeza aposto que eu poderia ter lido em menos se não tivesse o que fazer em casa e na faculdade. A história é muito boa embora a autora tenha pecada em algumas (muitas) coisas, mas quem é que não erra não é mesmo? O livro conta a história de Camryn que ao de ver sua vida ir por ladeira a baixo depois que seu namorado Ian morreu em um acidente, seu irmão mais velho ser preso por matar um homem e perder sua melhor amiga depois de contar a verdade sobre o namorado pra ela, decide colocar o pé na estrada e ir embora sem destino, apenas para fugir da realidade que vem vivendo. Com apenas uma mochila nas costas com aquilo que acha necessário, Camryn sai de casa sem se despedir de ninguém e decide que seu primeiro destino será Idaho, o motivo? Apenas fugir dali. A viagem solitária de Cam não demora muito tempo, pois logo ela conhece Andrew Parrish que está viajando para visitar seu pai que está a beira da morte, os dois não se dão bem logo de cara, mas Andrew aparece na vida de Cam para poder salvar sua vida e dar um sentido a ela. Depois de perceber que precisa permanecer ao lado de Camryn e salva-la de ser estuprada Andrew leva Cam para visitar o pai e a partir dai os dois decidem viajar pelo mundo juntos. O casal passa por bastante aventura, chegam a cantar juntos em bares até que decidem que vão mesmo ser um casal. Levou muito tempo para que os dois desse o primeiro beijo e isso me deixou maluca, mas depois disso a autora passou a tratar a trama como uma drama adolescente, o que não foi muito legal. Mas o bom é que o romance não tem aquelas cenas de sexo que se tornaram clichês hoje em dia, é tudo muito bonito e romântico.

“O coração sempre vence a razão. O coração, embora seja imprudente, suicida e masoquista de um jeito só seu, sempre ganha a parada. A razão pode ser a melhor opção, mas agora tô cagando para o que a voz da razão tá me dizendo. Agora só quero viver para o momento.”

“O coração sempre vence a razão. O coração, embora seja imprudente, suicida e masoquista de um jeito só seu, sempre ganha a parada. A razão pode ser a melhor opção, mas agora tô cagando para o que a voz da razão tá me dizendo. Agora só quero viver para o momento.”

Camryn retrata a vontade de muitas jovens hoje em dia, quem é que não gostaria de colocar o pé na estrada, sai por ai sem rumo e no meio dessa viagem encontrar o homem da sua vida? Muita viagem mesmo…

Embora eu tenha muito o que reclamar, amei o livro e confesso que te prende de verdade, muito boa a história. Vale a pena ler.

Nota: 7,5/10

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Livros, Resenhas, Sem categoria. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s